Home > Notícias > Ferramenta promete estimar leitos e profissionais necessários no SUS

Ferramenta promete estimar leitos e profissionais necessários no SUS

Condsef/Fenadsef apresenta nesta sexta-feira, 3, em live, produto elaborado em parceria com Dieese; instrumento também objetiva contabilizar EPIs e materiais de limpeza para segurança dos servidores e empregados públicos


Ferramenta promete estimar leitos e profissionais necessários no SUS
Foto: Condsef/DR

Condsef/Fenadsef

A Condsef/Fenadsef e o Dieese desenvolveram em parceria a Calculadora da Saúde, uma ferramenta construída a partir da intensificação, nesta pandemia de Covid-19, das demandas dos profissionais de saúde por equipamentos de proteção individual (EPIs), leitos de UTIs, concursos públicos e materiais de limpeza. De acordo com a Secretária-adjunta de Política Sindical e Formação da confederação, Elna Melo, a ferramenta intenta ajudar na tomada de decisões sobre ações emergenciais de enfrentamento ao novo coronavírus no Brasil, principalmente no Sistema Único de Saúde, e no monitoramento das condições de trabalho e segurança dos profissionais da saúde pública.

A calculadora exige que o usuário saiba a taxa de infecção na localidade consultada e é voltada especialmente para os trabalhadores que atuam na linha de frente do combate à pandemia. "Se o profissional [da saúde] tem conhecimento da taxa de infecção e identifica materiais insuficientes [no seu local de trabalho], a Condsef tem condição, por meio de seus sindicatos estaduais, de fazer um planejamento dimensionado", afirma Elna. A dirigente sindical se refere à estimativa de leitos de UTI, profissionais e EPIs necessários para atender a população com qualidade e segurança. Na semana passada, a Secretária-adjunta comentou ao Conversa Pública, podcast semanal da Condsef/Fenadsef, detalhes da iniciativa (ouça aqui).

Para o economista e supervisor de Políticas Públicas do Dieese, Nelson Karam, os principais benefícios dessa calculadora são, de um lado, a possibilidade de acompanhamento do impacto da doença sobre o sistema de saúde e o dimensionamento do trabalho neste debate. "Para dar atendimento, é necessário ter trabalhadores em boas condições de trabalho com possibilidades de executar suas funções com segurança", comenta. O Karam descaca que os resultados da calculadora remetem à necessidade da política de distanciamento social e outras medidas para conter o novo coronavírus.

Nelson Karam e Elna Melo estarão ao lado do Secretário-geral da Condsef/Fenadsef, Sérgio Ronaldo da Silva, na live de apresentação da Calculadora da Saúde, que será transmitida pelas páginas de Youtube e Facebook da confederação nesta sexta-feira, 3, às 10 horas. Acompanhe e participe! Na ocasião, espectadores poderão enviar suas dúvidas sobre utilização da ferramenta.






NOSSOS

PARCEIROS